Mote: O silêncio da noite é quem tem sido, testemunha das minhas amarguras

Toda vez que me lembro de você
me deixando, partindo e indo embora
pareceu até que jogaste fora
todo amor que por mim dizias ter
eu fiquei sem saber o que fazer
juro que quase fiz várias loucuras
me acabei em um poço de aventuras
pois estava com o coração partido
o silêncio da noite é quem tem sido
testemunha das minhas amarguras.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s